Michael Bisping sobre Georges St-Pierre: ‘Ele é um babaca’

Michael Bisping Michael Bisping Foto: SUPERMMA/YOUTUBE

O lutador inglês Michael Bisping fez duras críticas ao seu último oponente Georges St-Pierre porque ele não aceitou defender o cinturão dos médios contra Robert Whittaker na próxima temporada. “GSP” abdicou do posto de campeão por conta de um problema de saúde e não sabe se voltará às artes marciais mistas.

“Ele é um babaca. É um babaca, Deus o abençoe. Vou ser brutalmente honesto. É uma faca de dois gumes. É bom e ruim. Aliás, Dana White me jogou debaixo do ônibus ao dizer que Georges me escolheu porque eu era fácil, quando ele estava irritado com St. Pierre. Isso não me ajuda! De fato, eu acho que Georges achou que eu seria o oponente mais fácil para ele e realmente ele me venceu e então deixou o título vago. Aparentemente, ele fez isso porque precisou ir ao hospital depois da luta e achou que ficaria paralítico porque estava com um problema sério no pescoço. Não sei. Ele não quer mais lutar. Mas para mim é bom porque, como lutador, eu não quero que a pessoa que me venceu perca para outra pessoa, porque isso reflete de forma ruim em mim. Não sei nada sobre a conta bancária de Georges, mas imagino que seja bem gorda. Ele voltou, conseguiu outro cinturão, fez história, ganhou muito dinheiro, mais do que eu, esse babaca. Mas na verdade é bem esperto. Por que ele deveria continuar lutando? Legado é mais importante e ele tem um ótimo legado. Então, de um ponto de vista de negócios, ele fez uma ótima escolha”, disse em seu podcast “Believe You Me”.

Além de Georges St-Pierre, quem tem carreira indefinida é o próprio Michael Bisping. Depois de tornar o detentor do cinturão, aos 38 anos ele perdeu suas duas últimas apresentações, o que jamais havia acontecido antes. Seu último triunfo foi diante de Dan Henderson no UFC 204 em outubro.

COMPARTILHE
RECOMENDADO
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LUTADORES
ANIVERSARIANTES DO DIA
PRÓXIMAS LUTAS