"Big" John McCarthy defende Gegard Mousasi em polêmica com Chris Weidman

Chris Weidman x Gegard MousasiChris Weidman x Gegard Mousasi Foto: SUPERMMA/UFC

Um dos árbitros mais famosos das artes marciais mistas (MMA) "Big" John McCarthy defende Gegard Mousasi sobre a polêmica com Chris Weidman por conta do enfrentamento entre eles disputado no UFC 210 realizado na cidade de Buffalo localizada em Nova York nos Estados Unidos dia 8 - abril.

Para "Big" John McCarthy o holandês Gegard Mousasi acabou prejudicado pela interrupção indevida desse combate feita pelo árbitro Dan Miragliotta, onde primeiro avaliou o golpe aplicado sobre o americano Chris Weidman como ilegal, todavia após o uso do replay reavaliou a joelhada legalmente. Apesar disto, o “All-American” foi decretado perdedor porque não teve condições de retornar ao octógono.

"Todos olham e dizem: 'Oh, é uma injustiça com Chris Weidman. De certa forma, é meio que um ponto. Mas não, é injusto a Gegard Mousasi [...] Porque fez tudo corretamente e Chris disse: ‘Estou machucado’ e diz isso eu direi ‘ok, está ferido’ [...] E agora estão tirando dele a oportunidade de dar golpes, e deram a chance para se recuperar de algo que era legal. Essa é a parte ruim”, afirmou McCarthy em entrevista à MMAjunkie Radio.

Com o término do UFC 210, o ex-campeão peso-médio Chris Weidman pediu uma revanche e também prometeu recorrer desta decisão junto à Comissão Atlética tendo vista reverter o placar desse duelo contra Gegard Mousasi para "no-contest" (sem resultado). Assim, o lutador tenta evitar a terceira derrota seguida porque já vinha de reveses sofridos frente a Luke Rockhold e Yoel Romero.

Saiba mais: 

UFC 210

RECOMENDADO
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LUTADORES