Joanna Jedrzejczyk conta que quer ver medo nas suas adversárias

Joanna JedrzejczykJoanna Jedrzejczyk Foto: Reprodução da internet

A atual campeã peso-palha feminino Joanna Jedrzejczyk conta que quer ver medo nas suas adversárias e principalmente no rosto de Jessica Andrade, contra quem irá colocar o seu cinturão novamente a prova durante o UFC 213 disputado em Dallas nos Estados Unidos dia 13 de maio.

Para a polonesa Joanna Jedrzejczyk o momento da encarada é extremamente importante a ela, afinal é quando consegue intimidar estas rivais, e foi assim que aos 29 anos JJ conseguiu superar Karolina Kowalkiewicz, Claudia Gadelha (2), Valerie Letourneau, Jessica Penne, Carla Esparza e Juliana Lima todas no UFC.

"Eu gosto de olhar profundamente nos olhos do meu oponente, quero enchergar a alma e o medo”, disse Jedrzejczyk a Fox Sports. "Treinamos muito antes das lutas, porque cada combate e adversário são diferentes. Me dou 100% todos os dias quando durmo, como, relaxo e treino porque é isso que me faz ser uma lutadora e campeã melhor”.

Treinando na American Top Team, Joanna Jedrzejczyk chega para esta batalha frente a Jessica Andrade Bate-Estaca sustentando invencibilidade nas artes marciais mistas de 13 enfrentamentos e nunca foi derrotada. Dessas, venceu quatro oponentes por nocaute, uma via finalização e oito pela decisão dos árbitros laterais.

COMPARTILHE
RECOMENDADO
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LUTADORES