Dominick Cruz põe fim ao mistério sobre sua luta com Jimmie Rivera

Dominick CruzDominick Cruz Foto: Reprodução da internet

Primeiro colocado no ranking na categoria peso-galo, o ex-campeão Dominick Cruz põe fim ao mistério sobre o motivo que o levou a aceitar lutar com Jimmie Rivera no UFC 219 direto da T-Mobile Arena nos Estados Unidos, em Las Vegas, dia 30 de dezembro e a razão é Sean Shelby, responsável por casar os combates do Ultimate.

"É simples. Quando me posicionei sobre a luta com o Rivera as pessoas ficaram chocadas, dizendo ‘Por que você não está lutando pelo título?’. E foi realmente interessante ver isso. A explicação é, não sou o rei da divisão dos galos e nem o Cody, é o Sean Shelby. Ele toma as decisões sobre quem duela contra quem. E ele disse: ‘Se você não lutar contra Jimmie Rivera ele vai enfrentar Assunção e eles receberão a próxima disputa valendo o cinturão, não você’. Se não aceito, acabariam me dando o perdedor de Cody e TJ. Sean Shelby é quem dá as decisões de matchmaking nesta divisão então eu o escutei. Não estou aqui para reclamar. Gosto de lutar e quero competir e foi fazer”, disse Cruz ao The MMA Hour.

Com sua primeira luta neste ano confirmada diante de Jimmie Rivera, Dominick Cruz espera conquistar a 23ª vitória na carreira profissional para desafiar o vencedor do duelo pelo cinturão entre o atual detentor do título Cody Gabrandt e o desafiante TJ Dillashaw marcada para 4 de novembro durante o UFC 217 em Nova York (EUA).

Saiba mais: 

UFC 219

RECOMENDADO
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LUTADORES