Daniel Cormier ainda lamenta derrota para Jon Jones: ‘Difícil de engolir’

Daniel CormierDaniel Cormier Foto: Reprodução da internet

Falando pela primeira vez após o UFC 214 ocorrido dia 29 de julho na Califórnia, o norte-americano Daniel Cormier ainda lamenta a derrota para Jon Jones por nocaute nesta edição, pois disse que se encontrava focado nessa revanche e, consequentemente, buscava a vitória tendo finalidade permanecer no topo da categoria.

"É uma pílula difícil de engolir porque sou um cara que quer ser o melhor lutador possível. Trabalho duro, forte e estava pronto para lutar, totalmente preparado. Fiquei muito decepcionado com o resultado da luta”, contou o mais novo ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) numa entrevista ao MMA Fighting.

Aos 40 anos, Daniel Cormier descartou pendurar as luvas nas artes marciais mistas, porém deve retornar ao octógono só em 2018. Lá, “DC” planeja enfrentar o inglês Jimi Manuwa, o suíço Volkan Oezdemir ou fazer a terceira luta com Jon Jones pelo título mundial do Ultimate Fighting Championship.

Saiba mais: 

UFC 214

RECOMENDADO
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LUTADORES